We will ROC you

5 12 2011

Após os finais de temporada, um dos melhores espectáculos de automobilismo que se pode ver após o final da grande maioria das competições é o ROC. A competição criada por Michèle Mouton em 1988 tem-se vindo a expandir rapidamente, atraindo as atenções do mundo. A ideia é simples: colocar pilotos de diferentes categorias nos mesmos carros em pistas de um estádio de futebol adaptado.

Depois da vitória completamente inesperada de Filipe Alburquerque na edição de 2010 (que o ajudou bastante a ingressar na Audi Rosberg no DTM), chegava a altura de ver quem lhe sucedia ou se revalidava o título. Não o conseguiu, mas vamos por partes. Primeiro, a grande transmissão do ROC, que foi fornecida grátis online no próprio site, e com excelente qualidade. A Fórmula 1 bem que podia aprender qualquer coisa com isto, a ver se as audiências não disparavam logo…

Os vencedores das Nações.

No primeiro dia foi a Taça das Nações, em que cada dupla de um país (ou mais ou menos, como por exemplo o Team Nordic de Hanninen e Kristensen) defrontava as restantes. Aqui a verdadeira emoção veio na meia-final entre a Alemanha e o Reino Unido. Vettel esmagou Prilaux, mas Button superiorizou-se a Schumacher. Decisão final entre o campeão e o vice-campeão de F1. Prometia, e a meio da disputa estavam bem próximas, mas uma perda de controlo de Button privou-nos do que seria uma grande disputa.

A Alemanha acabaria por se superiorizar ao Team Nordic, e deram uma grande alegria aos presentes em Dusseldorf, com a quinta vitória.

No domingo na disputa individual, assistiu-se a algumas surpresas. A primeira foi a eliminação de Vettel por Schumacher (para mim, pelo menos), a segunda foi a electrizante disputa entre Kristensen e Schumi, que apenas se decidiu por centésimos para o dinamarquês da Audi. A última foi o excelente ritmo de Sébastien Ogier, que conseguiu vencer e tornar-se o Campeão dos Campeões de 2011, batendo o campeão do DTM (Tomczyk) num carro de GT!

Foi no fundo um excelente ROC que deixou uma grande expectativa quanto ao desempenho de alguns pilotos, entre eles claro o novo recruta da Volkswagen para os Ralis.

Anúncios